sexta-feira, 19 de junho de 2015

Crescimento do PIB 2015



Para pagar a dívida, é necessário crescimento do PIB de modo a aumentar as receitas do Estado (impostos) e diminuir as despesas (por ex. com apoios sociais).

Nos 12 meses acabados em março de 2015, a Europa andou a várias velocidades

  1. UK, Espanha com crescimentos bastante acima da média da zona Euro
  2. Grécia, Itália, França e Alemanha abaixo da média da zona Euro
  3. Islândia e Irlanda, com as suas especificidades, a crescer bem
  4. Países nórdicos, com excepção da Filândia, tudo OK
  5. América do Norte e Oceania com crescimentos acima dos 2%
  6. India,China e Indonésia continuam com crescimento estonteantes
  7. Brasil e Rússia ops!

Aqui ficam os números:

  • Espanha : 2.6%
  • Grécia : 0.4%
  • Portugal : 1.5%
  • Alemanha : 1.0%
  • França : 0.7%
  • Reino Unido : 2.4%
  • Itália : 0.1%
  • União Europeia : 1.5%
  • Países do Euro : 1.0%
  • Irlanda : 1.7%
  • Islândia : 2.3%
  • Noruega : 2.6%
  • Dinamarca : 1.7%
  • Suécia : 2.6%
  • Filândia : 0.1%
  • USA : 2.7%
  • Canada : 2.1%
  • Brasil : -1.2%
  • China : 6.9%
  • India : 7.5%
  • Russia : 0.2%
  • Indonesia : 4.8%
  • Nova Zelândia : 2.5%
  • Austrália : 2.3%

2 comentários:

Gang2 Ervilha disse...

O interessante, seria comparar esses dados com os do ano anterior. Estou certo que no geral, sobretudo no que respeita aos Países do Euro, a baixa do PIB deve ser flagrante. O caso Russo é particular, porque foi uma descida artificial, provocada pelo embargo e quebra do rublo. Mas também trouxe as suas consequências para as economias Europeias.

Trader disse...

Obrigado pela mensagem.
Acabei de actualizar o blog, com os dados desde 2010.